De Domadores para Domados

A Era Industrial transformou os trabalhadores em um rebanho obediente.

Na passagem da Era Agrária para a Era Industrial, os trabalhadores vinham do campo trazendo o expertise de atuação autônoma e individual. Acostumados a cuidar de suas tarefas com responsabilidade e liberdade, aravam o campo, plantavam e domavam os animais com base no aprendizado familiar e o uso do bom senso. Muita coisa era aprendida na base de tentativa e erro. O agricultor em suma era dono de seu próprio nariz.

Vindos desse contexto, ao adentrar as fábricas tinham que se adaptar à nova realidade. O uso da hierarquia (vista somente nos regimentos militares), agora era essencial para ordenar o trabalho. Comando e controle, obediência irrestrita, trabalho repetitivo, esmero na tarefa específica – tudo isso eram componentes da fábrica. Há mais de cem anos, Fayol e Taylor deram forma ao ‘como’ realizar essa transição inventando assim a Administração Moderna. De domadores os homens passaram a ser domados!

O próprio Henry Ford reclamava: “por que quando peço um par de mãos, o cérebro vem junto?”

Ainda hoje, já na plenitude da Era da Economia Criativa (permeando Indústria, Comércio e Serviço) mantemos esses mesmos princípios para o ambiente de trabalho. Persistimos em transformar nossos colaboradores em ovelhas obedientes, tirando-lhes dignidade e sentido. Continuamos a exaurir de suas vidas suas almas, dando-lhes uma condição menor do que lhes é direito.E certamente isso não vai nos levar a um bom lugar!

Está na hora de uma nova Administração substituir o que foi elaborado para uma época que não mais existe! Precisamos reinventar a Administração, a Gestão e a Organização Empresarial.

E obviamente  aos trabalhadores que foram domados, precisamos devolver-lhes a condição humana, e restabelecer a dignidade no ambiente de trabalho.

E isso precisa ser feito em prol das pessoas que trabalham conosco, e – por que não? – para o futuro da nossa empresa!

Anúncios

Deixe um comentário

junho 5, 2012 · 11:20 am

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s